Translate

Centelhas de Luz - Destaque pra vocês!

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Diário de Classe de Isadora


Ontem, lí a postagem de uma pessoinha muito especial que acompanho no Facebook e fiquei tão indignada que resolvi escrever um post. Mas o sentimento era tão ruim que resolvi deixar pra hoje, na esperança do espírito se acalmar e permitir que o raciocínio siga uma linha imparcial  A imparcialidade nos favorece a expor uma situação  e comentar nossa própria noção de 'correto' sem a pretensão de defender lado 'A' ou 'B'...

Creio que todo mundo conheceu o caso de Malala Yousufza, uma menina de 15 anos que publica em seu blog hospedado no site da BBC denuncias de violência e repreensão cometidos pelos talibãs no Vale de Swat e que lhe rendeu o primeiro Prêmio Nacional da Paz criado pelo governo paquistanês e foi indicada ao prêmio internacional de Crianças para a Paz da fundação Kids Rights. Em 09 de outubro a menina paquistanesa foi ferida por vários tiros no ônibus escolar onde estava em punição a sua luta em defesa dos direitos das mulheres à educação. O atentado foi noticiado pelo mundo à fora e Malala recebeu apoio internacional.

Aqui no Brasil a realidade - dizem- é diferente: não há grupos terroristas embora as ações dos bandos de traficantes nos deixa à par do que é terror. Há Liberdade de Expressão - e viva a inclusão digital - mas, dependendo do que você expressa pode ser perseguido internet à fora acusado de homofobia, racismo, discriminação e apologia a qualquer coisa caso não use devidamente as palavras corretas. Expor pensamentos, convicções ou opiniões pode ser perigoso. Há educação particular e pública que se divide em educação municipal (cedida pela prefeitura) e educação estadual (cedida pelo governo do  estado) e há um abismo que diferencia a qualidade de ambas. Se no Paquistão as meninas e mulheres brigam pelo direito a educação, aqui o comum é vermos crianças brigarem para não ir a escola. Não fosse o risco de um Conselho Tutelar interferir, muitas crianças nem estariam fazendo o que fazem de melhor: ocupando a carteira de quem realmente quer estudar e estás, são excessões a regra.

Ainda no Brasil, uma criança que demonstra explicitamente seu interesse por estudos é admirada! Ainda mais se esta pertencer ao Ensino Público cuja precariedade é constatada por quem quiser comprovar através de noticiários ou pelos próprios filhos que - por razões financeiras - dependem das escolas públicas. 


Diário de ClasseEste é o caso de Isadora Faber, 13 anos, que ganhou notoriedade no Facebook ao criar sua página intitulada Diário de Classe onde narra o cotidiano da escola pública onde estuda. A primeira vez que lí uma postagem dela não pude deixar de refletir nos motivos do governo brasileiro em não transformar o sistema público em um padrão de qualidade: resultaria em crianças que pensam demais e que consequentemente teriam atitudes demais. Quando mais conhecimento e informação, mais a mente se expande e é impossível você continuar sendo a mesma pessoa.

O desejo de se dedicar aos estudos é claro em Isadora, Mas sua escola - assim como tantas outras Brasil à fora - não oferecem suporte e qualidade necessários para que essa dedicação lhe permita disputar, por exemplo, uma vaga em uma universidade pública ou melhores oportunidades futuras. Sabemos bem - e a frase a seguir é até slogan de propaganda de universidade particular - quem recebe ensino particular sai na frente. Se pesarmos na balança o número de crianças que recebem o ensino público de um lado e as que recebem ensino particular em outro, começamos a compreender porque a situação da maioria dos jovens brasileiros é como é.

No ensino público há de um lado, professores e funcionários públicos insatisfeitos com as condições de trabalho e seus salários. E por que não poderia chegar o dia em que uma aluna iria fazer ouvir sua voz exigindo melhores condições de estudo? 

Isadora que não vive no Paquistão, tem o direito constitucional à educação e a Liberdade de Expressão está sendo perseguida - não tenho outro termo para o que está acontecendo.Porque se professores e funcionários de uma escola sentem-se no direito de protestar, deveriam ser os primeiros - uns como mestres e outros como adultos - a apoiar a ação da menina que é tão vítima quanto eles. Aliás, esse pessoal todo que se sente explorado pelo governo não deveria sentir orgulho de uma menina que teve a coragem de fazer - e bem feito - o que eles não são capazes de fazer? Me perdoem mas, os professores clamam por eles mesmos e a menina clama por uma escola inteira, mesmo que ali muitos alunos - bem mais velhos que ela - ainda sintam as dores de professores afetados e a usem como tema de chacotas.

Depois de dias postando a ausência de um funcionário que deveria prestar um serviço à escola, Isadora agora é ofendida pela família do sujeito e ameaçada todos os dias. Me perguntei se a filha do funcionário que deveria fazer a pintura de uma quadra gosta de estudar... Se para ela o estado em que a escola se encontrava - e se encontra - pra ela está de bom tamanho...  Se ela prefere demonstrar-se ofendida ao invés de sentir vergonha...Fui mais além e imaginei o que afinal se passa na mente destas pessoas que estão contra uma menina que descobriu que já pode exigir seus direitos...

Enquanto Malala é apoiada por outras meninas e mulheres e alvo de um grupo terrorista, Isadora agora se torna alvo também daqueles que dependem do mesmo ensino precário que ela! Enquanto ela clama por melhorias por todos, há aqueles que se contentam com pouco, mesmo com todo o dinheiro público que dizem ir para educação!

Posso ficar horas aqui expressando meus pensamentos e ainda assim, muito do que se passa em minha mente ficará bem onde está... O absurdo é grande demais e para que compreendam o que tento dizer, vou reproduzir aqui os posts que me causaram tanta indignação!

Lembrando a todos os funcionários públicos de escolas: não tentem encobrir o que está errado - e vocês sabem disto - para que, quando forem protestar seus direitos, tenham razão no que dizem! Quando um aluno decide chegar ao ponto em que Isadora chegou, não está culpando vocês mas aqueles que quem vocês são subordinados: o governo! Não estou generalizando, conheço e conheci muitos professores que mereceriam uma composição especial de "To Sir with Love". Mas, no caso da escola de Isadora...

E pra começar alguém ainda diria: "- Que drama comparar essa menina a outra do Paquistão!". Seria apenas dramático se Isadora não fosse apenas uma criança de 13 anos que reagiu da seguinte maneira ao saber de Malala: 

"Me mandaram esse link que me deixou muito assustada. Não imaginava que as coisas chegassem a esse ponto. Meus pais ficaram muito preocupados, me disseram que é do outro lado do mundo, outra cultura e que aqui não é desse jeito, que posso desistir do Diário quando quiser. Disse que não, irei continuar mas mesmo assim fiquei assustada, ela tem 14 anos. 

Vejo muitas vezes nos comentários pessoas falando mentiras, ofensas, que não se dão ao trabalho de olhar todo Diário para comentar. Tem pessoas que querem que eu organize passeatas, atos públicos, manifestações nas ruas e em frente às instituições governamentais. 

Pessoal, estou fazendo o que posso, não quero fazer essas coisas e meus pais não deixam, eles dizem que tenho apenas 13 anos e sou uma só e já estou fazendo minha parte. Quero deixar claro que nunca quis fazer passeatas e essas coisas. Se alguém acha que deve fazer isso, tudo bem, faça, não precisam de mim para isso, é tão fácil falar para eu fazer, por que não faz então? Não tenho partido nem idade para votar e não estou contra ninguém, estou contra o descaso da educação e quero que melhore para todos, apenas isso.

 Meu jeito de protestar é assim, escrevendo, denunciando, discutindo e postando resultados quando tem. Estou dizendo isso por que fiquei muito assustada com essa notícia e não quero isso pra mim, então, a partir de agora iremos (eu e meus pais) começar a deletar post de pessoas desinformadas que fazem perfis fakes que não se identificam para publicar ofensas e mentiras e verdadeiros perseguidores que estão fazendo páginas igual a minha só para promover intrigas com fofocas( páginas sem identificação do responsável). Criticar tudo bem, mas com responsabilidade e com perfil verdadeiro, por favor. Não tenho medo de críticas, mas tenho medo de pessoas maldosas e covardes que não tem sequer coragem de se identificar. Espero que entendam."

http://g1.globo.com/mundo/noticia/2012/10/menina-antitaliba-de-14-anos-sobrevive-tentativa-de-assassinato.html  


 Há 18 horas atrás:

"Ontem a noite, teve uma chuva de pedras em casa, uma delas atingiu minha vó de 65 anos que sofre de uma doença degenerativa. Meus pais tomaram as providências e hoje levaram minha vó para fazer exames e para a polícia. Lá eles fizeram os exames de perícia, agora ela esta em tratamento. Incrível como tem gente ignorante, gente que não tem mínimo de decência. Alguns coitados pensam que são donos de tudo e da verdade, pensam que podem nos intimidar, mas não vão conseguir. Meus pais são gaúchos mas moram aqui a 17 anos, temos casa própria e eu nasci aqui, sou mané da Carmela Dutra, não iremos sair de nossa casa. Xenofobia é crime e já esta sendo investigado. Olhem como ficou o rosto da minha vó... a coitada nem sai de casa e foi a que sofreu as consequências dessa barbaridade, mas temos nossas desconfianças de quem é capaz dessa barbaridade."

Foto: Ontem a noite,  teve uma chuva de pedras em casa, uma delas atingiu minha vó de 65 anos que sofre de uma doença degenerativa. Meus pais  tomaram as providências e hoje levaram minha vó para fazer exames e para a polícia. Lá eles fizeram os exames de perícia, agora ela esta em tratamento.  Incrível como tem gente ignorante, gente que não tem mínimo de decência. Alguns coitados pensam que são donos de tudo e da verdade, pensam que podem nos intimidar, mas não vão conseguir. Meus pais são gaúchos mas moram aqui a 17 anos, temos casa própria e eu nasci aqui, sou mané da Carmela Dutra, não iremos sair de nossa casa. Xenofobia é crime e já esta sendo investigado. Olhem como ficou o rosto da minha vó... a coitada nem sai de casa e foi a que sofreu as consequências dessa barbaridade, mas temos nossas desconfianças de quem é capaz dessa barbaridade.


"Casualmente hoje, Seu Francisco e seu outro filho foram na escola para buscar sua filhinha, fizeram o maior escândalo comigo e meu pai, cercaram o carro e ele tava querendo briga com meu pai, dizendo que tinha que calar minha boca, que eu só falava besteiras e que nós tínhamos que sair da cidade pois não somos “nativos”. A garota juntou uma turminha para me bater e ele dizia pro meu pai que podia esperar que ia ver, que ele vai pegar meu pai e que vai acabar conosco. Agora, o Seu Francisco, pega o dinheiro adiantado da pintura da quadra, não dá satisfação e não pinta a quadra e ainda se acha no direito de vir me ameaçar e ameaçar o meu pai na saída da escola e ainda se acha com razão. Que justiça é essa? Quem esta errado? Ele que pegou o dinheiro e não pintou a quadra ou eu que estou cobrando uma solução. Agora querem fazer pressão total para não falarmos mais no assunto, mas meu pai foi na delegacia e prestou queixa, disseram que agora se eu ou meu pai cair e nos machucar, já sabem quem procurar. É o mínimo que espero da polícia."

"Como vocês podem ver, falar a verdade incomoda muita gente, as agressões foram primeiro com palavras e agora estão partindo para as agressões físicas. Gostaria de saber muito qual a posição da direção da escola agora, se vai continuar protegendo quem pegou dinheiro e não fez o serviço e agora vai a escola me ameaçar ou vai tomar as medidas mínimas e prestar queixa contra quem prejudicou a escola. Acho que já passou da hora da direção fazer alguma coisa. No recreio, já to cansada de ser ameaçada pela filha do Seu Francisco e turminha, até quando? A direção vai esperar até quando para tomar providências? Todos os dias acontece, já falei com a diretora e nada muda. Eu consegui com empresários a pintura total da quadra, já que não tem jeito de Seu Francisco pintar, com profissionais de verdade, sem custo algum para escola mas, e o dinheiro pago ao Seu Francisco? Vamos todos dar de presente para ele o dinheiro dos nossos impostos? A diretora vai tirar do bolso dela? Quero muito saber disso antes de aceitar a reforma da quadra, pois caso contrário, vou repassar para outra escola que mereça. As coisas estão chegando nos limites e agora quero saber da diretora como vai ser e este espaço esta a disposição dela para explicar, ninguém pode dizer que não dou chance de resposta. Diretora, não deixe todos esperando mais, queremos saber sua posição oficial."


E agora, o irmão de Isadora também se torna alvo:

"BO feito pela ameça que o José Luiz, meu filho de 08 anos sofreu, pela filha do Francisco, Luana Barbieri, que nao pintou a quadra da escola!!Não aceito, ameaças, pois meu filho gosta da Isadora Faber, a tenho como minha menina, e NAO ACEITO AMEAÇAS, AINDA MAIS DE UMA GURIA DE 15 ANOS E REPETENTE!!!"


Foto: BO feito pela ameça que o José Luiz, meu filho de 08 anos sofreu, pela filha do Francisco, Luana Barbieri, que nao pintou a quadra da escola!!Não aceito, ameaças, pois meu filho gosta da Isadora Faber, a tenho como minha menina, e NAO ACEITO AMEAÇAS, AINDA MAIS DE UMA GURIA DE 15 ANOS E REPETENTE!!!

O motivo de tudo isso:

"Para os que não sabem da história, vou contar de novo. Desde a volta das férias, pergunto para direção a situação da pintura da quadra. As tintas para pintura estão na sala da diretora faz 2 anos, elas tem vencimento em novembro de 2012. A diretora falou que já pagou adiantado para pintarem a quadra, não diz quanto e nem quem é a Empresa contratada. Depois de muita conversa, fiz aqui minha primeira postagem dia 20-09 contando o caso. Depois de alguns dias, a diretora falou que “Seu Francisco” estava doente mas ia começar o serviço na próxima semana. No final do mês, apareceu umas pessoas e limparam tudo, no dia 28-09 (registrado aqui com foto) chegou um homem e lavou a quadra, pensei que o problema estava resolvido, pois tinham dito que estavam preparando para pintar. Virou o mês, choveu, fez sol, ficou nublado, quente, frio e nada. Hoje é dia 16-10 e nada mais aconteceu. Já está tudo sujo de novo. Acho que a direção não pode mais proteger essa empresa que cobra adiantado e não faz o serviço. Agora que todos sabem, não tem como não falar quem é a empresa, tá ficando mal para a direção uma posição assim, o dinheiro não saiu do bolso da direção, saiu do seu bolso, do bolso do meus pais, saiu dos impostos que todos pagam, então nada mais justo que todos saibam quem não esta fazendo o que foi pago para fazer. Tem mais de 600 alunos esperando pelo dia que o “Seu Francisco” irá resolver fazer o serviço pelo que foi pago a muito tempo para fazer( +3 meses no mínimo, não sabemos quando foi pago pelo serviço). Fico me perguntando, se ele não pintar a quadra, quem vai pagar pelo prejuízo? Será que “Seu Francisco” vai devolver o dinheiro? Tem contrato? Cadê o contrato? Cadê o recibo que pagou “Seu Francisco”? Quanto vai devolver se não sabemos quanto cobrou? Se a direção da escola não fala nada, fica assim? Não tem ninguém para cobrar da direção? Pagamento adiantado, não fazem serviço, tintas vencendo e tudo bem? Como pode funcionar assim, é muita palhaçada, fico indignada com isso tudo."

Foto: Para os que não sabem da história, vou contar de novo. Desde a volta das férias, pergunto para direção a situação da pintura da quadra. As tintas para pintura estão na sala da diretora faz 2 anos, elas tem vencimento em novembro de 2012. A diretora falou que já pagou adiantado para pintarem a quadra, não diz quanto e nem quem é a Empresa contratada. Depois de muita conversa, fiz aqui minha primeira postagem dia 20-09 contando o caso. Depois de alguns dias, a diretora falou que “Seu Francisco” estava doente mas ia começar o serviço na próxima semana. No final do mês, apareceu umas pessoas e limparam tudo, no dia 28-09 (registrado aqui com foto) chegou um homem e lavou a quadra, pensei que o problema estava resolvido, pois tinham dito que estavam preparando para pintar. Virou o mês, choveu, fez sol, ficou nublado, quente, frio e nada. Hoje é dia 16-10 e nada mais aconteceu. Já está tudo sujo de novo. Acho que a direção não pode mais proteger essa empresa que cobra adiantado e não faz o serviço. Agora que todos sabem, não tem como não falar quem é a empresa, tá ficando mal para a direção uma posição assim, o dinheiro não saiu do bolso da direção, saiu do seu bolso, do bolso do meus pais, saiu dos impostos que todos pagam, então nada mais justo que todos saibam quem não esta fazendo o que foi pago para fazer. Tem mais de 600 alunos  esperando pelo dia que o “Seu Francisco” irá resolver fazer o serviço pelo que foi pago a muito tempo para fazer( +3 meses no mínimo, não sabemos quando foi pago pelo serviço). Fico me perguntando, se ele não pintar a quadra, quem vai pagar pelo prejuízo? Será que “Seu Francisco” vai devolver o dinheiro? Tem contrato? Cadê o contrato? Cadê o recibo que pagou “Seu Francisco”? Quanto vai devolver se não sabemos quanto cobrou? Se a direção da escola não fala nada, fica assim? Não tem ninguém para cobrar da direção? Pagamento adiantado, não fazem serviço, tintas vencendo e tudo bem? Como pode funcionar assim, é muita palhaçada, fico indignada com isso tudo.



Apoie o Diário de Classe e a todas as crianças que já mostram agora que serão nossos bons futuros cidadãos! Bons atos não podem mais ser punidos!



Outros 'Diário de Classe' pelo Brasil:

Nenhum comentário: