Translate

Centelhas de Luz - Destaque pra vocês!

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

A Psique humana e o abuso aos animais.


"Entre 135 criminosos, incluindo ladrões e estupradores, 118 admitiram que quando eram crianças queimaram, enforcaram ou esfaquearam animais domésticos." - Ogonyok (1979 - Soviet anti-cruelty magazine) 



Perdoem se, talvez, a tradução não seja fiel ao original. Tentou-se ao máximo traduzir fielmente a ideia do autor.

Consideramos que Psicopatias não devem ser justificativa para que criminosos não sejam punidos com os rigores da lei por seus crimes. Seja por doença ou por maldade, aquele que atenda contra a Vida não deve ter o direito a Liberdade e a usufruir dela.

O texto a seguir foi traduzido do site Ecocare Maldives e o autor usa o nome de Aaizivian - publicado em 22 de Maio de 2012.



A Psique humana e o abuso aos animais.




Todas as nossas esperanças e aspirações comuns encontram-se na conservação do nosso meio ambiente para manter o equilíbrio ecológico. Nós também estamos reunidos para proporcionar um fórum para defender a proteção dos direitos das espécies mais fracas que nós - muito negligenciadas-  que os seres humanos tendem a acreditar estão abaixo de nós.

Mas devemos nos perguntar, por quê? Por que os aprisionam, abusam e até mesmo assassinam animais? Nós já sabemos de nossa experiência recente com a Lagoa dos Golfinhos - um local para aprisionar animais por razões comerciais e para colher benefícios materiais à suas custas. Mas há também uma outra razão para isso e é uma questão profundamente enraizada dentro da psique humana ou da própria alma.

A Sociedade Massachusetts para a Prevenção Contra a Crueldade aos Animais (SPCA) e Associação Americana de Psiquiatria (APA) fizeram estudos que mostram que o abuso de animais é de fato o sintoma mais básica ou característica do Transtorno de Conduta que se manifesta ainda na infância. Nós vemos que aqueles que são diagnosticados com Transtorno de Conduta tem como vítimas iniciais pequenos animais, como gatos, coelhos, etc, e quando eles crescem buscam por vítimas maiores, como suas esposas ou filhos. Também é comprovado que alguns mafiosos ou bandidos também têm Transtorno de Conduta com suas vítimas iniciais sendo animais.

[ O Transtorno de Conduta corresponde a transtornos caracterizados por padrões persistentes de conduta dissocial, agressiva ou desafiante. Tal comportamento deve comportar grandes violações das expectativas sociais próprias à idade da criança; deve haver mais do que as travessuras infantis ou a rebeldia do adolescente e se trata de um padrão duradouro de comportamento (seis meses ou mais). Quando as características de um Transtorno de Conduta são sintomáticos de uma outra afecção psiquiátrica, é este último diagnóstico o que deve ser codificado." - Fonte Wikipedia.]

Crueldade contra os animais é também referida como Zoosadismo que é uma das etapas do 'tríade Macdonald' "(crueldade contra animais, obsessão com fogo ou Piromania e incontinência urinária após a idade de 5 anos) que leva a um comportamento sociopata. 

Federal Bureau of Investigation (o FBI), dos Estados Unidos da América realizaram pesquisas e diagnósticos médicos para descobrir que os sociopatas que se caracterizam por assassinatos,  abusos e violência, o fazem por causa do prazer (psicológica ou sexual) obtido e que psicopatas - que muitas vezes são serial killers (como Jack, o Estripador) conhecidos por assassinar uma série de pessoas para mostrar sua superioridade - são de fato socialmente depravados como filhos e eram conhecidos por passar o tempo torturando pequenos animais de várias formas de violentas e sentiram prazer em fazer isso.
Por isso, as autoridades nos países ocidentais estão, na verdade, incentivando e convocando os pais de crianças e adolescentes que torturam animais para apresentar o diagnóstico e tratamento psiquiátrico. 

Além disso, é perfeitamente possível encontrar uma relação bastante estreita entre o abuso de animais e outras questões sociais do cotidiano:

- Abusar de um animal é um caminho para um ser humano encontrar energia / alegria / satisfação através da tortura de uma vítima que sabem que não pode se defender.

- Então, quando nós realmente sentamos e pensamos sobre isso, concluímos que é a mesma coisa que um estupro. O que é estupro se não, um caminho para um ser humano de encontrar energia / alegria / satisfação sexual através da tortura de uma vítima que sabem não podem se defender.

- O mesmo pode ser aplicado à violência doméstica e abuso de crianças, é também um  caminho para um ser humano de encontrar energia / alegria / satisfação através da tortura de uma vítima que sabem não podem se defender.


Antes de concluir este artigo já tão prolongado, eu gostaria de avisar sobre a relação entre o abuso de animais e a estratificação social e o racismo. É bastante óbvio que o chauvinismo é um personagem humano triste. Acredita-se que é superior aos outros seres. Então não vieram através  dos mesmos fenômenos que resultaram nos primeiros seres humanos, o que eventualmente faz-se acreditar que  pessoas brancas surgiram primeiro, os ocidentais primeiro, primeiros os homens, o rico primeiro e outras estreias deste tipo que geraram as questões sociais que estamos lutando para apagar até hoje, ou seja, o colonialismo, guerra, o racismo, o sexismo de classe e casta de diferenças, a distribuição desigual da riqueza e da pobreza?




 Somos criação de Deus e, apesar da diferença intelectual entre nós e as outras criaturas, todos nós somos os herdeiros legítimos da terra verde de Deus e se Deus tem nos abençoado como os governadores por que não devemos ser justos com as outras criaturas também? Se não qual é a diferença entre nós e um governante ditatorial que prejudica os direitos básicos de seus súditos?


Fonte do texto: Ecocare Maldives

Fonte das Imagens: vários canais de divulgação e denúncias de maus tratos e proteção animal, sites de busca e compartilhamentos em redes sociais.

Nenhum comentário: