Translate

Centelhas de Luz - Destaque pra vocês!

sexta-feira, 10 de maio de 2013

Para crianças que não gostam de legumes e verduras


Aproveitando o mês do Dia das Mães quero falar de um tema que a primeira vista parece falar apenas de alimentação mas, que exemplifica bem o que é ser mãe!

Muitas mães - principalmente as de primeira viagem - tem enorme dificuldade em fazer seus filhos comer legumes, verduras e frutas. É normal por causa da visão das crianças sobre tudo. As crianças se atraem por coisas coloridas e com aparência interessante para a realidade delas.

Convenhamos: alguns legumes e verduras não tem aparência interessantes principalmente depois de cozidas. O sabor também nem sempre é agradável ao paladar dos pequeninos que preferem guloseimas...

Meus filhos também me deram bastante trabalho em consumir determinados alimentos naturais. Hoje não dispensam nas refeições e tem até um que é daquele tipo '- Quero brócolis!'.

Para que eles chegassem a este ponto usei a Intuição de Mãe! Mãe sabe do que os filhos gostam mesmo quando terceiros dizem o que é certo ou errado para cada período. Mãe que é mãe segue a intuição não conselhos externos. 

Não é apenas as características da aparências que passam geneticamente ou por influências: nossas manias, nossa personalidade, nossos gostos acabam sendo herdados por nossos filhos, isto é, o que você gosta de comer ele também vai gostar. O problema é que quando adultos já temos uma consciência mais desenvolvida e não importa como a abobrinha chega no seu prato, se você gosta vai comer. Com a criança não é assim porque a comida precisa 'conquistar' o paladar e a apreciação da criança. Mãe sente o que o filho precisa e gosta.

Os japoneses consomem muitos alimentos crus e in natura então, apresentam os pratos decorados em forma de bichinhos para que primeiramente as crianças comam com os olhos. Sendo divertido elas comem o que estiver no prato. Os pratos onde colocam os alimentos sempre são coloridos ou com ilustrações no fundo. É como uma surpresa: depois de comer as crianças descobrem o desenho no fundo do prato. 

Por isso a dica é disfarçar os alimentos até que o paladar seja conquistado. Por exemplo: não gosta de maçã, faça Torta de Maçã. Não gosta de Banana, faça um Bolo de Banana ou empane em pedaços e frite servindo como petisco. Não gosta de Cebola, Escarola ou Rúcula? Faça bolinhos com estes ingredientes bem picadinhos e ensine-os a mergulhar em catchup ou Molho Shoyo. Se usar Hashi - aqueles pauzinhos japoneses - fica mais divertido pra comer é motiva. Não gosta de Berinjela? Faça uma Lazanha com ela! 

O importante é que aquele alimento que seu filho não gosta seja apresentado de modo mais interessante que o habitual. Que tenha sabor tão bom quanto guloseimas. Meus filhos não gostavam de cenoura. Não insisti! Passei a fazer bolos, bolinhos fritos para conquistá-los. Somente quando passaram a gostar do sabor é que passei a fazer salada de cenoura, mas não a apresentava de qualquer modo.

Pra ficar mais simples de compreender e a intuição das mamães ficar bem inspirada, vou deixar 4 receitinhas simples. Elas foram testadas e aprovadas por crianças da minha família. (Meu sobrinho detesta cenoura mas a minha salada ele devora!)

Lembrete: nunca diga o que está servindo até que a criança prove. Só responda - se  for perguntada antes - depois que provar e perceber que ela apreciou. Se perceber que há uma resistência, misture com algo que a criança goste.



Abobrinha Flocada

Ingredientes:

1 abobrinha bem grande ou duas médias ralada
Azeite para refogar
Cebola picadinha
Alho picadinho
Sal a gosto
1 colher de sobremesa de açúcar
2 a 3 ovos batidos
1/2 xícara de leite

Preparo:

A aparência da Abobrinha em rodelas não é agradável para muitas crianças então, você vai ralar com um ralador.

Irá refogar normalmente no azeite, depois da cebola e do alho no ponto. No processo vai soltar bastante água mas ajuda a cozinhar bem. Quanto mais cozida melhor. Tempere com sal e outro tempero que esteja sempre presente em seus pratos e deixe no fogo.

Quando a água estiver quase evaporado toda (dependendo da abobrinha nem sempre seca toda água), você vai pegar os ovos batidos temperados com sal, o açúcar e o leite. Após batido jogue na abobrinha e misture até que fique flocos de ovos misturados a abobrinha no mesmo método que se faz ovos mexidos.

Pronto! Sirva misturado ao arroz mais outro prato que tenha preparado. O açúcar com o sal quebra aquele sabor estranho e desconhecido no paladar das crianças.O leite dá certa leveza aos ovos e possibilitará que cada pedacinho de abobrinha seja envolvida nesta gemada.

Aquele verde todo vai ficar bem clarinho e entrará em contraste com o amarelo dos ovos deixando uma aparência agradável.



Bolo de Cenoura

Ingredientes:

4 cenouras cruas
4 xícaras de farinha de trigo peneirada
2 ovos
1 xícara de óleo
1 colher de sopa bem cheia de fermento em pó
2 colheres (sopa) de açucar

Preparo:

Raspe as cenoura para retirar a casca superficialmente e corte para facilitar pois você vai bater no liquidificador junto com os ovos e o óleo. Dependendo da cenoura irá sair muito ou pouco suco neste processo então, se ver que será necessário acrescente 1/2 xícara de chá de água.

Depois de batido, despeje em uma tigela onde já deve estar a farinha peneirada, o fermento e o açucar misturados.

Mexa bem gostoso até que fique uma massa homogênea. Despeje em uma forma untada e enfarinhada. A receita cabe bem em formas com furo no meio.

Não diga do que foi feito o bolo até que elas provem ou perguntem. Se ainda assim houver resistência, cubra com calda de chocolate ou leite condensado.



Saladinha de Cenoura

Ingredientes:

Na primeira vez use 

2 cenouras pequenas ou 1 grande raladas bem pequenininhas
(conforme a criança apreciar aumente a quantidade pois vão comer muito, rs)
Cebola bem picadinha (a quantidade depende do quanto usará de cenoura: que seja proporcional)
Sal a gosto
Maionese o suficiente para misturar e criar uma pasta


Junte todos os ingredientes e misture bem.

Embora seja muito simples o preparo a dificuldade está em inserir a saladinha no cardápio de seu filho. Você vai usar estratégias!
No início vai usar esta salada noso sanduiches em vez de utilizar apenas a maionese sozinha.

Conforme a apreciação poderá ser misturada ao arroz ou como acompanhamento. Para ficar ainda mais interessante pode-se acrescentar Alface Amaricana picada.



Bolinhos com Arroz

Ingredientes:

(em quantidade proporcionais)
Folhas picadas de Rúcula  ou Espinafre ou Escarola
Cebola picadinha
Se preferir, alho bem ralado
Cenoura ralada
Uma porção da sobra do arroz

Você vai misturar estes ingredientes a uma massa de:

Farinha - o suficiente para dar liga
1 pitada de sal
1 ovo
1/2 xícara de leite ou o bastante para criar uma massa um pouco grossa
1 colher (sopa) de fermento em pó


Misture bem tudo. Aqueça óleo limpo para fritar. Utilize duas colheres: uma para pegar a massa e a outra para soltá-la dentro do óleo.
Frite até dourar.

Sirva em porções com um molho onde você mistura maionese, catchup e mostarda (a quantidade de mostarda é inferior aos demais). Misture e passe o bolinho no molho para comer. Este molho fica com gosto de cachorro-quente. Fica muito bom também com outros molhos.

Nenhum comentário: