Translate

Centelhas de Luz - Destaque pra vocês!

terça-feira, 20 de agosto de 2013

Discriminação: a aberração ainda vive no século XXI

Vou postar uma carta cujo original é em inglês e a tradução da mesma. Gostaria que lessem... A seguir, um comentário sobre o teor da carta...

Vivemos um momento da história humana em que qualquer ato ou palavra se torna ação discriminatória ou racista e mesmo com a dimensão que toma, a única coisa que fica evidente é o quanto afeta mas não a gravidade da situação em geral...

A discriminação é um fato ainda bem presente em pleno século XXI. No auge dos avanços científicos e tecnológicos o intelecto e o comportamento humano regride a passos largos!

Esta carta foi recebida por uma mãe que tem um filho autista e foi enviada por uma vizinha insatisfeita - se é este o termo correto. Pessoas com condições especiais não são animais, nem bestas e nem aberrações mas, são o que o próprio nome diz: especiais!

Foto: Bom dia queridos!

Vou postar uma carta cujo original é em inglês e a tradução da mesma. Gostaria que lessem... Nos comentários irei deixar o que pensei ao ler tamanho absurdo.
Vivemos um momento da história humana em que qualquer ato ou palavra se torna ação discriminatória ou racista e mesmo com a dimensão que toma, a única coisa que fica evidente é o quanto afeta mas não a gravidade da situação em geral...
A discriminação é um fato ainda bem presente em pleno século XXI. No auge dos avanços científicos e tecnológicos o intelecto e o comportamento humano regride a passos largos!
Pessoas com condições especiais não são animais, nem bestas e nem aberrações mas, são o que o próprio nome diz: especiais!


" PARA A SENHORA QUE RESIDE NESTE ENDEREÇO:

Eu também vivo nesta vizinhança e tenho um problema!!!! Você tem um filho com um problema mental e conscientemente decidiu que seria uma boa idéia viver próximo a uma vizinhança como essa????? Você egoisticamente bota seu filho fora de casa todos os dias e deixa ele ser mais nada que um estorvo e um problema para todo mundo, com aquele barulho horroroso que ele faz constantemente, poluindo os ouvidos de todos!!!!!!!!! O barulho que ele faz quando ele esta’ la’ fora e’ HORRENDO!!!!!!! Isso assusta as minhas crianças normais!!!!!!! Quando você achar que seu filho idiota precise de ar fresco, leve-o para o parque, sua besta!!!!!! Nós temos uma trilha natural!!! Deixe-o correr por aquele lugar e fazer os ruídos dele!!!! Bebês chorando, música e até latidos de cachorro são normais num bairro residencial!!!!! Ele não é!!!!!!!!

Ele é um obstáculo pra todo mundo e sempre será!!!!!! E quem é que vai cuidar dele no futuro????? Nenhuma empresa vai dar emprego pra ele, nenhuma menina normal vai quere se casar/namorar com ele e você não vai viver para sempre!!!!! Pessoalmente, eu acho que eles deveriam pegar qualquer tipo de parte retardada que ele tenha e doar para a Ciência. Qual outro bem que ele possa fazer!!!! Você teve um filho retardado, agora se vira…apropriadamente!!!!! Que direitos você tem de fazer isso com pessoas que trabalham duro!!!!! Eu ODEIO gente como você, que acreditam que vocês têm direito à preferência, só porque vocês têm um filho com necessidades especiais!!!!! MEU DEUS!!!!!!!

Faça um grande favor à nossa comunidade e MUDE-SE!!!!!!! VAMBORA!!!!! SE MANDA!!!!!! Se mexe e se muda deste tipo de bairro!!!! Vai viver com seu filho animal numa cabana na selva ou qualquer coisa desse tipo!!!!!!!! Ninguém quer vocês morando aqui e eles não têm coragem de dizer isso pra você!!!!!

Faça o certo e se mude ou aplique eutanásia nele!!!!! De todo jeito, TODOS nós vamos ficar melhor sem ele!!!!!

Atenciosamente,

Uma mãe muito pau da vida!!!!!!! "


" PARA A SENHORA QUE RESIDE NESTE ENDEREÇO:

Eu também vivo nesta vizinhança e tenho um problema!!!! Você tem um filho com um problema mental e conscientemente decidiu que seria uma boa idéia viver próximo a uma vizinhança como essa????? Você egoisticamente bota seu filho fora de casa todos os dias e deixa ele ser mais nada que um estorvo e um problema para todo mundo, com aquele barulho horroroso que ele faz constantemente, poluindo os ouvidos de todos!!!!!!!!! O barulho que ele faz quando ele esta’ la’ fora e’ HORRENDO!!!!!!! Isso assusta as minhas crianças normais!!!!!!! Quando você achar que seu filho idiota precise de ar fresco, leve-o para o parque, sua besta!!!!!! Nós temos uma trilha natural!!! Deixe-o correr por aquele lugar e fazer os ruídos dele!!!! Bebês chorando, música e até latidos de cachorro são normais num bairro residencial!!!!! Ele não é!!!!!!!!

Ele é um obstáculo pra todo mundo e sempre será!!!!!! E quem é que vai cuidar dele no futuro????? Nenhuma empresa vai dar emprego pra ele, nenhuma menina normal vai quere se casar/namorar com ele e você não vai viver para sempre!!!!! Pessoalmente, eu acho que eles deveriam pegar qualquer tipo de parte retardada que ele tenha e doar para a Ciência. Qual outro bem que ele possa fazer!!!! Você teve um filho retardado, agora se vira…apropriadamente!!!!! Que direitos você tem de fazer isso com pessoas que trabalham duro!!!!! Eu ODEIO gente como você, que acreditam que vocês têm direito à preferência, só porque vocês têm um filho com necessidades especiais!!!!! MEU DEUS!!!!!!!

Faça um grande favor à nossa comunidade e MUDE-SE!!!!!!! VAMBORA!!!!! SE MANDA!!!!!! Se mexe e se muda deste tipo de bairro!!!! Vai viver com seu filho animal numa cabana na selva ou qualquer coisa desse tipo!!!!!!!! Ninguém quer vocês morando aqui e eles não têm coragem de dizer isso pra você!!!!!

Faça o certo e se mude ou aplique eutanásia nele!!!!! De todo jeito, TODOS nós vamos ficar melhor sem ele!!!!!

Atenciosamente,

Uma mãe muito pau da vida!!!!!!! "

Tradução:

" PARA A SENHORA QUE RESIDE NESTE ENDEREÇO:

Eu também vivo nesta vizinhança e tenho um problema!!!! Você tem um filho com um problema mental e conscientemente decidiu que seria uma boa idéia viver próximo a uma vizinhança como essa????? Você egoisticamente bota seu filho fora de casa todos os dias e deixa ele ser mais nada que um estorvo e um problema para todo mundo, com aquele barulho horroroso que ele faz constantemente, poluindo os ouvidos de todos!!!!!!!!! O barulho que ele faz quando ele esta’ la’ fora e’ HORRENDO!!!!!!! Isso assusta as minhas crianças normais!!!!!!! Quando você achar que seu filho idiota precise de ar fresco, leve-o para o parque, sua besta!!!!!! Nós temos uma trilha natural!!! Deixe-o correr por aquele lugar e fazer os ruídos dele!!!! Bebês chorando, música e até latidos de cachorro são normais num bairro residencial!!!!! Ele não é!!!!!!!!

Ele é um obstáculo pra todo mundo e sempre será!!!!!! E quem é que vai cuidar dele no futuro????? Nenhuma empresa vai dar emprego pra ele, nenhuma menina normal vai quere se casar/namorar com ele e você não vai viver para sempre!!!!! Pessoalmente, eu acho que eles deveriam pegar qualquer tipo de parte retardada que ele tenha e doar para a Ciência. Qual outro bem que ele possa fazer!!!! Você teve um filho retardado, agora se vira…apropriadamente!!!!! Que direitos você tem de fazer isso com pessoas que trabalham duro!!!!! Eu ODEIO gente como você, que acreditam que vocês têm direito à preferência, só porque vocês têm um filho com necessidades especiais!!!!! MEU DEUS!!!!!!!

Faça um grande favor à nossa comunidade e MUDE-SE!!!!!!! VAMBORA!!!!! SE MANDA!!!!!! Se mexe e se muda deste tipo de bairro!!!! Vai viver com seu filho animal numa cabana na selva ou qualquer coisa desse tipo!!!!!!!! Ninguém quer vocês morando aqui e eles não têm coragem de dizer isso pra você!!!!!

Faça o certo e se mude ou aplique eutanásia nele!!!!! De todo jeito, TODOS nós vamos ficar melhor sem ele!!!!!

Atenciosamente,

Uma mãe muito pau da vida!!!!!!! "


====================================================================

" Para toda condição há características que as determinam... Até mesmo para um ser humano de fato!
Certa vez, assistindo a um programa que procurava desmistificar ou comprovar lendas, vi um grupo de cientístas explorando uma hipótese que existe e já foi constatada mas, é o tipo de coisa que não é divulgada: há seres humanos que herdaram o gene dos Neandertais.

Achei bastante interessante pois, se observarmos e comparamos os padrões de comportamento em todos os seres humanos, esta é uma conclusão óbvia que sempre irá surgir. Então, para muitos comportamentos, há um sentimento de injustiça com a declaração que generaliza a todos como seres humanos. Os Direitos Humanos por exemplo, existe não para seres humanos de fato mas, para aqueles que em suas características de comportamento fogem aos padrões do que deveria ser considerado humano: matam, estupram, roubam, trapaceiam e praticam sem escrúpulos todo tipo de crimes contra o próximo e pior, contra a Vida!

Estes, são um verdadeiro vírus dentro da sociedade humana pois, tem como função, exterminar humanos. E quando penso nisto, não é difícil acabar por assimilando o que é um ser humano de fato com animais que são devorados cotidianamente: os animais que devoramos no dia-a-dia não são carnívoros...

Alguns revelam descaradamente a herança Neandertal... Outros só revelam traços... Mas, para olhares mais atentos eles são identificáveis.

Uma pessoa que se refere a uma criança com condição especial do modo como foi feito nesta carta não é um ser humano de fato. Na área da saúde mental e do comportamento é dito que pendemos a apontar no outro aquilo que está em nós e não somos capazes de confrontar. Seria o inverso daquilo que vemos no outro e cobiçamos, acreditando ser o aceitável ou o padrão de normalidade e então, copia-se. Um fato que jamais será mudado quanto ao modo de interpretarmos o mundo é que o outro sempre será de alguma forma um espelho. E o tom com que as afirmações são expressas determinam isso.

Toda vez que esta pessoa se refere a criança como um animal que deveria morar em uma cabana no mato está entrando em conflito com a própria condição, a própria falta de humanidade em si. Não há nada de animal ou mostruoso na criança mas, o que há em cada um determina como ela interpreta o mundo.

Um ser humano de fato jamais discriminaria a tal ponto. Um ser humano de fato tem profunda compreensão no comportamento e na condição de cada um. Existe nele um respeito extremo que ultrapassa as barreiras da cor da pele, da raça, do credo, e da condição... Para um ser humano de fato a Vida que pulsa no ser é o relevante e não o que está na superfície.

Uma pessoa assim quando fala com a boca tão cheia que o outro é retardado, está se confrontando com a própria limitação intelectual... 

As pessoas com condições especiais são o que o próprio nome aponta: especiais. E em tudo o que tenho conhecido do universo das pessoas especiais, fica claro que elas são apenas seres humanos de fato que não conseguem se encaixar em um mundo onde o normal é ser bestial e não humano!


Verdade absoluta, afirmações livres de questionamentos nestas linhas? Não! É o que eu acredito porque é o que vejo! "  - Shimada Coelho

Nenhum comentário: