Translate

Centelhas de Luz - Destaque pra vocês!

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Assassinato de Baleias Piloto na Dinamarca

Bom... Recebi via email uma mensagem vaga, com fotos chocantes de 'golfinhos' sendo assassinados na Dinamarca.

A mensagem original:

EU PEÇO PARA TODOS OS MEUS AMIGOS FAZEREM O FAVOR DE REPASSAR, NA ESPERANÇA DE QUE ALGUÉM FAÇA ALGO DE DEFINITIVO PARA ACABAR COM ESSA COISA TERRÍVEL!!

SEM DÚVIDA, O PIOR PREDADOR DO PLANETA É O SER HUMANO!!!

EMBORA JULGUEM INCRÍVEL, A CADA ANO, ESSE MASSACRE BRUTAL E SANGUINÁRIO SE REPRODUZ NAS ILHAS FAROÉ, QUE PERTENCEM À DINAMARCA, UM PAÍS DITO "CIVILIZADO", MEMBRO DA UNIÃO EUROPÉIA.

MUITO POUCA GENTE TEM O CONHECIMENTO DESTA DEMONSTRAÇÃO TERRÍVEL E DEPLORÁVEL DE INSENSIBILIDADE QUE SE REPETE A CADA ANO.

ESSE MASSACRE SANGUINÁRIO É FRUTO DE HOMENS JOVENS QUE PARTICIPAM DESTE EVENTO MACABRO APENAS PARA DEMONSTRAR QUE ALCANÇARAM A IDADE ADULTA. É ABSOLUTAMENTE INCRÍVEL QUE NADA ESTEJA SENDO FEITO PARA QUE ESSA BARBARIDADE SEJA IMPEDIDA, UMA BARBÁRIE CONTRA O "CALDEIRON", UM GOLFINHO SUPER INTELIGENTE, QUE TEM A PARTICULARIDADE DE SE APROXIMAR DAS PESSOAS POR CURIOSIDADE.
POR FAVOR, REPASSEM ESSA MENSAGEM A TODOS OS SEUS CONTATOS...
Muito obrigada.




Estranhei o fato de nenhum ativista ter me enviado a mesma mensagem, nem de nenhuma organização ter enviado nenhum tipo de alerta. As fotos me pareceram não ser recentes, então fui pesquisar.

No resultado das buscas a mesma mensagem é publicada em diversos blogs, inclusive em blogs de Portugal. Blogs raramente são fontes confiáveis, infelizmente. O pessoal repassa e publica qualquer informação que acreditam ser conveniênte e aumente as visitas, mas não se certificam da veracidade... Pudemos comprovar isso na mensagem da Dra Lívia.

Fui nos sites das organizações de proteção animal e ambiental e nada em destaque sobre o assunto. Mudei as palavras da pesquisa várias vezes, até que cheguei num artigo da Sea Shepherd. Mesmo assim, a informação encontrada era vaga, não informando se a matança ainda ocorre. Até aqui deu pra perceber que a matança realmente ocorre na Dinamarca. Mas, a qualidade das fotos me deixou em dúvida se a mensagem é antiga e ainda está sendo repassada. Se esse era um fato passado ou se ainda ocorria. Pode acontecer isso. Há muitos hoax que percorrem a internet por mais de sete anos!

Então, entrei em contato com a Sea Shepherd que logo me respondeu. Reproduzo a mensagem abaixo:










[Ola Shimada,

O massacre de baleias piloto na Dinamarca eh verdade e ocorre anualmente.
Segue abaixo o que a Sea Shepherd, faz e fez.

Att,
Daniel

Sea Shepherd - Ações em Defesa das Baleias das Ilhas Faeroe

A Sea Shepherd Conservation Society tem liderado a oposição contra a morte de baleias piloto nas Ilhas Faeroe, protetorado dinamarquês. Capitão Paul Watson conduziu campanhas para opor a caça em 1985 e 1986 e novamente em 2000. Nenhuma baleia foi morta enquanto a Sea Shepherd patrulhou as Ilhas. A Sea Shepherd também obteve êxito convencendo 20.000 lojas de duas redes de supermercados na Alemanha a boicotar produtos de pesca das Ilhas Faeroe. Os esforços da Sea Shepherd contra a matança de baleias nas Ilhas Faeroe são documentados no documentário da BBC “A Colheita Negra.”]


Certificando-me da veracidade das informações, observo apenas dois pontos na mensagem original:

- SÃO ASSASSINADAS AS BALEIAS PILOTO.

- E ALGO ESTÁ SENDO FEITO SIM: SEA SHEPHERD ESTÁ NA ÁREA!

Publico aqui então alguns trechos de resultados de pesquisa, assim como o link do manifesto disponível on line (exige um pequeno cadastro).



"Embora o endereço da marca d’água das fotos levasse a um site árabe de baboseiras,http://www.lail-alsahara.com/ a profusão de imagens deixava claro que não se tratava de uma montagem. A caça de baleias (e alguns golfinhos) nas Ilhas Feroe acontece mesmo, todos os anos. Eles têm até um site oficial.http://www.whaling.fo/

O arquipélago das Ilhas Feroe tem 17 ilhas habitadas por meras 47 mil pessoas, e fica no meio do caminho entre a Inglaterra e a Islândia. O email traz uma informação distorcida: Feroe é oficialmente parte da Dinamarca, mas é território autônomo e nunca aderiu à União Europeia. Há inclusive um movimento que busca a total independência. Dessa forma, ficaria difícil para a UE aplicar uma eventual punição à matança das baleias.

Mas por que diabos eles fazem isso? É tradição há pelo menos 500 anos. Participar do evento, matando as baleias piloto com a faca em punho é considerado um rito de passagem para os meninos das ilhas. Também é uma maneira usual de garantir a alimentação da população local. A carne é distribuída gratuitamente entre os participantes, e qualquer um pode ajudar. Anualmente são caçadas em média 950 baleias piloto.

A técnica não é muito complexa. Quando um grupo de animais surge perto da ilha, elas são cercadas por barcos e encurraladas em uma baía. Algumas baleias encalham na areia. Outras são puxadas para lá por ganchos e cabos de aço.













O vídeo acima tem imagem “ao vivo”, além das fotos. Os próprios pescadores admitem que não é uma cena bonita, mas se defendem:


"A caça das baleias piloto, por natureza, é uma visão dramática e sangrenta. Grupos de animais são mortos na costa e nas praias com facas que são usadas para cortar o suprimento de sangue para o cérebro. Esta é a maneira mais eficiente e humana de matar as baleias, dadas as circunstâncias, mas isso resulta em muito sangue na água. É compreensível que tenha havido em outros países reações fortes à cobertura da mídia e às fotos, especialmente em comunidades urbanas, onde a maior parte das pessoas nunca testemunhou os procedimentos de abate utilizados na produção de qualquer carne.A caçada cruel tem sido alvo de críticas especialmente de ONGs ambientalistas como o Sea Sheperd. Quem quiser ajudar nos protestos pode inclusive participar de abaixo assinado online, pedindo o fim da matança."


FONTE: Bonato







Artigo publicado na Sea Shepherd Conservation Society:
http://www.seashepherd.org/whales/danish-faeroe-islands.html


------------------------------------------------------------------------------------------


Justificativas, desculpas esfarrapadas, (chamem como quiser) do O Ministério de Assuntos Exteriores e as Embaixadas da Dinamarca (Ministry of Foreign Affairs of Denmark) :


FAROE ISLANDS: BALEIAS-PILOTOO


Ministério de Assuntos Exteriores e as Embaixadas da Dinamarca têm recebido correspondência que expressa sentimentos causados pelas imagens que circulam na Internet e que retratam cenas de caça a baleias-piloto nas Ilhas Faroé e que, normalmente, vêm acompanhadas de comentários difamatórios.

Antes de se fazer qualquer julgamento sobre a caça a baleias em geral, ou, em particular, sobre a pesca de baleias-piloto nas Ilhas Faroé, é necessário complementar uma possível primeira impressão estética negativa sobre a questão, além de informações imprecisas, com considerações baseadas em factos reais sobre o assunto, assim como diversas questões de princípio, tais como:


Factos sobre a caça a baleias-piloto podem ser obtidos na página www.whaling.fo. (o site foi retirado do ar)Incluem o seguinte:


A finalidade da caça é para produção de alimentos, A caça é regulamentada pelas autoridades, A caça é biologicamente sustentável, As autoridades levam a sério o aspecto do bem-estar animal da caça. Pode ser útil, também, ver esta forma de alimentação num contexto mais amplo, incluindo várias questões:


-Questões relacionadas com o bem-estar dos animais: como se compara esta caça a baleias, e outras caças de grandes mamíferos no seu habitat natural, com o tratamento de animais criados em quintas durante os seus ciclos de vida e de animais tidos como pragas?


-Ética de produção alimentar: a refeição à base de carne de baleia-piloto representa maior ou menor grau de dor/sofrimento causado pelo homem comparativamente aos pratos que normalmente comemos na nossa própria cultura?


-Factores geográficos e nutricionais: disponibilidade de fontes alternativas de alimentos, em particular em ilhas e em áreas costeiras remotas, sobretudo nas zonas árcticas e subárcticas do mundo;


Diversidade cultural e tolerância/intolerância a pessoas com diferentes preferências alimentares e/ou diferentes atitudes com relação a diferentes animais; Senso de proporção: quão importante é este assunto comparado a outras preocupações ambientais ou de bem-estar animal face ao mundo contemporâneo?


Actualmente, a sociedade faroense está a debater sobre a eventual paralisação da caça tendo em conta advertências médicas em relação à alimentação de carne e gordura de baleia, devido à contaminação química. Baleias com dentição, como as baleias-piloto, estão no alto da cadeia alimentar marítima, e estão, portanto, mais propensas que a maioria dos outros organismos marinhos a acumular substâncias tóxicas do oceano. A energia utilizada nos protestos contra a caça nas Ilhas Faroé seria mais sensata se direccionada ao aumento da poluição nos oceanos que ameaça a vida de todos.


As Ilhas Faroé têm autonomia no Reino da Dinamarca. As Ilhas não estão incluídas na adesão da Dinamarca à União Europeia. Assuntos relacionados com a indústria, a agricultura, o meio ambiente, a pesca e a caça de baleias estão sujeitos à autonomia das Ilhas Faroé.


Caso queira dirigir-se às autoridades das Ilhas Faroé a respeito da caça a baleias-piloto, o endereço de e-mail do Departamento de Assuntos Exteriores do Governo das Ilhas Faroé é mfa@mfa.fo; O endereço de e-mail do Departamento de Pesca e Assuntos Marítimos é fisk@fisk.fo.


Edited December 12, 2008


------------------------------------------------------------------------------------------------



Petição para o fim da matança as Baleias Piloto na Dinamarca:
http://www.thepetitionsite.com/1/end-whale-dolphin-slaughter-in-the-faroe-islands



E AI ALGUÉM ME DIZ:" AH, MAS ESTÃO MANTENDO AS TRADIÇÕES E CULTURA DE UM POOOVOOO!", CORRETO? NÃO! ERRADO!


Culturas e tradições ultrapassam séculos! Nenhuma delas serve para algo nobre se trazem aos seus descendentes a monstruosidade sanguinária de bárbaros do passado que matavam sem piedade alguma. A Terra já foi molhada de sangue ao extremo! O atual momento do planeta não precisa de mais sangua derramado. Ninguém precisa fazer sobreviver uma tradição que só compreende a força e a coragem com sangue de uma vida!


Estamos na era Moderna! Ata tecnologia e desenvolvimento científico!Já passou da hora de compreendermos que sangue é Vida! Que Vida é a mesma, não importa se no corpo de um animal ou se no corpo de um humano. O que nos torna diferentes é apenas o cérebro que cada corpo carrega. E diante desses atos, me pergunto quem afinal é o racional?


Para quem deseja manter essa tradição de devorar cadáveres, mantendo sua ignorância e cultura ultrapassada, façam como os animais que não estocam, não refrigeram, matam apenas para se alimentar, e escolhem apenas filhotes doentes e fracos ou adultos em idade avançada. Isso colabora com a auto seleção. Isso respeita o Ciclo da Vida e o curso natural de todas as coisas.


Crianças matam animais com o triplo de seu tamanho para provar o que? Que são capazes de crescer já predestinados à assassinos? Que serão adultos capazes de matar qualquer coisa por qualquer motivo fútil?


A tela Grindadráp [Matança de baleias], do artista feroês SámalJoensen-Mikines. O quadro tem 177,3 X 241,5 cm e é de 1942.

15 comentários:

Gustavo Bonato disse...

Obrigado pela citação. O "espetáculo" é realmente chocante e BEM REAL.

Anônimo disse...

Os indios da Amazonia são considerados mais civilizados que esses "caras pálidas" dinamarqueses. Vejam a transcrição de um estudo sobre a civilização indigena e seus...

"Ritos de Puberdade: Passagem para a Vida Adulta

Os índios Sateré-Mawé - que habitam a região entre os rios Madeira e Tapajós, na floresta amazônica - preparam uma luva cheia de grandes formigas chamadas tocandiras. Os jovens Sateré-Mawé vestem essas luvas e são picados pelas formigas, mas não podem demonstrar dor, ou serão considerados homens fracos."

Está na hora de parar com "esse sacrificio desnecessário" para a evolução de uma minoria de sádicos.

Anônimo disse...

Primeiro é preciso saber se a espécie baleia-piloto está ameaçada e se a população das ilhas faroe precisa consumir, de fato, toda aquela carne. Do contrário, a matança das baleias não é diferente da do gado, dos porcos e galinhas q consumimos. E qto a maneira como a morte é praticada não é em nada diferente de um avião sobrevoando algum lugar no Iraque, em Darfur, Afganistão e jogar uma bomba?? Ou é?? Em qquer das situações, tratam-se de criaturas indefesas q estão no lugar errado na hora errada. Humanos ou animais, são seres vivos sujeitos a serem comida e comidos.

Rebeca Montenegro disse...

Não são baleias. São Golfinhos.

Anônimo disse...

REBECA.... parecem golfinhos, mas são BALEIAS-PILOTO. E quanto a comparação da matança de baleias com as bombas jogadas no IRAQUE pelos EUA, acho que não é digna de comentários......

Pedro Santos disse...

Horrorosa a mentalidade desta gente. Ainda dizem que os países baixos são os mais evoluídos mas para mim não passando de uns irracionais sem dó nem piedade.

Bruna disse...

alguem precisa fazer algo!

quanta monstruosidade!

e infelizmente não vai acabar tão cedo!

Glauco disse...

Olá parabéns pela matéria isso ajuda a nos alertarmos, de quão monstruoso pode ser um ser humano,como pode matar apenar por prazer, pessoa sem amor, sem coração, e o infeliz ainda faz a comparação de q é igual, jogar uma bomba,matar um frango etc,ñ estão matando p/ se alimentar, e sim p/ satisfazer seu ego P/mostrar quem é mais homem pensamento ridiculo, indusindo aos filhos virarem o que um assassino, ñ ter medo de enfrentar a nada, pobre baleias indefesas, fico muito triste com tudo isso, pois devemos ser a semelhança do Senhor,misericordia, o Senhor formou tudo em sete dias fez com tanto amor, ai vem um monstro chamado homem e faz isso que crueldade.
Deus tem misericordia de nós!!!

Caixa de Pandora disse...

Para Anônimo: a Sea Shepard esse ano, como parte da missão de combate a esse ritual macabro investigou o que realmente é feito com as baleias mortas, inclusive algumas delas grávidas. Descobriram em alto mar um cemitério de fetos e carcaças pois é simplesmente isso q fazem com os animais abatidos: jogam tudo no fundo do mar para que a comunidade mundial pense que além de ritualística a tradição alimenta famílias... o q não é verdade. A Sea Shepard tem fotos desse cemitério submarino.

Anônimo disse...

Isso nao e cultura e nem tradicao, e pura maldade e egoismo dos homens.Isso tem que ter um fim!!

Anônimo disse...

Eu concordo com o comentário do colega que diz que precisamos ver se essas baleias estão em extinção antes de criticar tanto, né? Afinal nós comemos as vaquinhas e acredito que a maioria das pessoas não vão lá ver como elas são mortas. Para nós são simples bifinhos e para os hindus elas são sagradas, já imaginou se os hindus começam uma campanha para salvar as vaquinhas brasileiras? É muito fácil nós simplesmente chegarmos lá para dizer como agir, lá na casa deles enquanto que aqui, na nossa casa continuamos a cometer barbaridades.

Anônimo disse...

Achei muito instrutiva e nos ajuda a verificar se é verdade ou não esta estória, já que existem tantos emails (lixo) rodando pela NET, mas também estou perguntado as entidades dinamarquesas a respeito.
Também acho o fato irreal nos dias de hoje... Temos que fazer algo!!! Chega de adiarmos... A responsabilidade tb é nossa!!!
Me sinto impotente por não saber oque fazer!

fernanda disse...

que monstros....essa pessoas ja tem o lugar guardado no inferno....

Kleitu Souza disse...

Muito obrigado, foi muito esclarecedor o seu post e eu me toquei muito sobre o assunto. Fiquei surpreso e triste em saber, mais uma dessa, o quanto o homem é capaz de fazer contra a natureza.

Jana disse...

Muito bom ter essa informação de forma clara e correta, cuidar do meio ambiente e dos animais é a forma de viver melhor!!!Esses caras não querem ter qualidade de vida, estão plantando vão colher.....